Chamada de Trabalhos / Llamado a Contribuciones / Call for Papers

 SAHTI - Simpósio Argentino de História, Tecnologias e Informática

SHIALC - Simpósio de História da Informática na América Latina e Caribe

 

     O Comitê Organizador conjunto do II Simpósio Argentino de História, Tecnologias e Informática (SAHTI) e o VI Simpósio de História da Informática na América Latina e Caribe tem o prazer de convidá-los(as) para apresentação de trabalhos acadêmicos e colaborações no marco do evento 49 JAIIO organizado pela SADIO e pela Faculdade de Engenharia da Universidade de Buenos Aires, a ser realizado entre os dias 10 e 14 de agosto de 2020 na cidade de Buenos Aires, Argentina.

     Os Simpósios de História da Informática na América Latina e Caribe (SHIALC) começaram a ser realizados a cada dois anos desde 2010, a partir de um primeiro encontro regional de pesquisadores e protagonistas da história da informática realizado em Santiago, Chile, em 2008. Desde o início do SHIALC, foram apresentados e debatidos mais de 100 artigos oriundos de 10 países da América Latina, gerando uma série de publicações, disponíveis em http://shialc.cos.ufrj.br. O objetivo deste evento latino-americano é consolidar um espaço de intercâmbio e divulgação científica para pesquisadores, acadêmicos e interessados ​​na história do desenvolvimento da informática na região que, sob diferentes abordagens e perspectivas,  busquem analisar atores, processos, políticas, agendas e instituições relacionados tanto à história do campo quanto aos problemas teórico-metodológicos vinculados a seus arquivos e fontes.

     O Simpósio de História, Tecnologias e Informática (SAHTI) é um espaço recente dedicado à análise, ao debate interdisciplinar e à comunicação pública dos estudos históricos das tecnologias de informática na Argentina, realizado no âmbito do JAIIO - SADIO, um dos eventos mais importantes e antigos relacionados à informática na América Latina (http://48jaiio.sadio.org.ar/simposios/SAHTI). Um de seus focos de interesse é o levantamento de histórias e testemunhos do desenvolvimento da informática, sob diferentes perspectivas de desenvolvimento (pública, privada, produtiva, científica, política, etc) através das contribuições dos participantes dessas histórias e com as quais se busca formar um arquivo histórico-testemunhal do campo.

     A partir disso, esperamos diferentes tipos de colaborações. Por um lado, investigações históricas, análises de casos e estudos que envolvam diferentes abordagens teóricas e metodológicas: artefatual, social, cultural, sociotécnica, epistemológica, etc. Por outro, textos testemunhais acerca das experiências dos próprios atores da(s) história(s) da(s) informática(s) no Brasil, Argentina e demais países latino-americanos, seus protagonistas, seus processos e seu desenvolvimento histórico.

     Portanto, convidamos pesquisadores, docentes, estudantes, profissionais e especialistas que desejem compartilhar a produção de conhecimentos no campo de estudos históricos, sociais e culturais sobre as tecnologias digitais e a informática. Entre outros aspectos, nos interessa compartilhar resultados de pesquisas e estudos sobre iniciativas público-privadas, análises de políticas públicas, estudos de casos institucionais e biográficos. Do mesmo modo, convidamos os protagonistas do campo a nos brindar com seus depoimentos para contribuir com suas experiências de época.

A seguir, detalhamos os eixos básicos do evento, sem que estes, de modo algum, representem uma lista exaustiva ou excludente às contribuições:

 

- História(s) da(s) Informática(s): são esperados testemunhos e relatos sobre experiências de protagonistas em diversos âmbitos da Informática, como os saberes científico-acadêmicos das disciplinas que a sustentam, os desafios tecnológicos, as disputas políticas (públicas e privadas), os espaços de formação docente e de pesquisa, as histórias de vida, os percursos biográficos coletivos (científicos, acadêmicos, profissionais) no país e exterior, as mulheres da informática nacional, professores(as) e seus discípulos, as associações e redes nacionais e internacionais.

 

- Histórias institucionais das tecnologias informáticas: Análises de trajetórias e dinâmicas institucionais, suas linhas de pesquisa e o desenvolvimento dos espaços científicos, tecnológicos e/ou acadêmicos da Informática na América Latina. Entre outros temas: os primórdios da Informática na América Latina, seus vínculos com as matemáticas, eletrônica digital e os primeiros passos da computação. A integração da computação nas áreas acadêmicas, Estado e setores produtivos. O surgimento e desenvolvimento das redes e da Internet. As transformações nas carreiras de técnicos, graduados e pós-graduados da Informática na América Latina.

 

- Histórias, políticas públicas e desenvolvimento: articulação entre políticas públicas, tecnologias digitais e informática na América Latina – os debates (políticos, científicos, tecnológicos, etc), os atores (Estado, universidades, empresas, corporações, etc) e os processos (históricos, culturais, políticos, etc). Entre outras temáticas possíveis estão as políticas públicas de desenvolvimento da Informática; a Informática nas instituições públicas e nas empresas públicas e privadas; as dinâmicas regionais de colaboração e cooperação; as posições das agências internacionais de financiamento e desenvolvimento; as políticas nacionais de Informática (PNI); a Informática, a computação e as telecomunicações; as discussões sobre as indústrias nacionais de Informática/Computação.

 

- Histórias dos atores, grupos sociais e tecnologias: estudos sobre personalidades envolvidas no desenvolvimento de tecnologias e da Informática na América Latina, tais como abordagens biográficas e institucionais (grupos de investigação, institutos públicos e empresas privadas, etc). Entre outros temas estão o pensamento latino-americano sobre Ciências, Tecnologias e Desenvolvimento (PLACTED); suas contribuições aos projetos de informática nacional e regional; a constituição de redes acadêmicas e sua influência; a participação de instituições brasileiras, argentinas e latino-americanas no desenvolvimento e trocas de conhecimentos sobre Internet, WWW, inteligências artificiais e os inícios da robótica.

 

- Debates metodológicos acerca das fontes e arquivos da Informática: envio de trabalhos que indaguem sobre enfoques teórico-metodológicos do campo (e suas fontes) e as coordenadas para a constituição de um campo de saberes. Se valorizam trabalhos que evidenciem tanto as especificidades como a diversidade das fontes históricas utilizadas ou com grande potencialidade de uso no campo. Os relatos de protagonistas da Informática na América Latina, suas relevâncias e preservações; as histórias de vida, os informantes primordiais e suas biografias; as fontes e os arquivos de investigação histórica sobre a informática e a computação; a construção, preservação e disponibilização do patrimônio constituído por artefatos, os documentos da Imprensa (boletins, comunicações institucionais), os registros por filme e gráficos, os documentos públicos e privados, os fundos arquivísticos da informática, fontes orais, etc.

 

Contribuições esperadas para o Simpósio:

 

Os trabalhos devem ser escritos em espanhol, português ou inglês. Sua relevância e pertinência serão avaliadas por um Comitê Acadêmico do Programa através de avaliações duplo-cega: ou seja, em primeira instância, os trabalhos completos serão enviados aos avaliadores sem identificação de autoria.

 

Convidamos os(as) interessados(as) a enviarem suas produções acadêmicas nos seguintes formatos:

Artigos de pesquisa: Se trata de um trabalho de pesquisa com contribuições originais e/ou inovadoras, com uma extensão máxima de 14 páginas (incluindo referências bibliográficas). Os trabalhos aceitos serão apresentados oralmente (requisito obrigatório). O manuscrito completo será incluído nos proceedings (anais) da 49JAIIO.

 

Testemunho (testemony paper): Se trata de um trabalho baseado no relato de uma experiência pessoal ou coletiva dos(as) autores(as) em relação ao surgimento e consolidação do campo da informática e computação no Brasil, Argentina e América Latina. Devem incluir coordenadas temporais, institucionais e/ou empresariais e aquelas que os(as) autores(as) considerem fundamentais para suas contribuições no desenvolvimento dos estudos históricos do campo. Pode-se adotar o formato curto (até quatro páginas) ou completo (até 14 páginas). Os trabalhos aceitos serão apresentados oralmente (requisito obrigatório). O manuscrito completo se incluirá nos proceedings (anais) da 49JAIIO.

 

Pôsteres: Se trata de uma apresentação oral de um trabalho de pesquisa em curso acompanhado de um pôster de elaboração própria, que sintetiza o percurso da pesquisa. Os pôsteres oferecem aos estudantes, pesquisadores e profissionais a oportunidade de apresentação e discussão de seus mais recentes avanços, ideias e pesquisas em curso, experiências e desafios relacionados aos eixos do SAHTI e SHIALC. O envio deve incluir um resumo com uma extensão máxima de uma página, incluindo texto, tabelas e figuras. Os resumos aceitos serão incluídos nos proceedings (anais) da 49JAIIO.

 

Formato para as contribuições da JAIIO: detalhes disponíveis no site http://www.springer.de/comp/lncs/authors.html. É possível utilizar o modelo fornecido pela Springer, disponível em http://48jaiio.sadio.org.ar/simposios/formatos

 

Solicitamos que os envios dos trabalhos finais (aceitos, depois da avaliação) incluam nome e sobrenome do(a) autor(a), filiação institucional, posição institucional, agência de financiamento (caso haja), e-mail dos(as) autores(as) e referências bibliográficas (no caso de artigos de pesquisa). Todas as contribuições devem incluir cinco palavras-chave e um resumo de 200 palavras.

 

É requisito básico que pelo menos um(a) dos(das) autores(as) do trabalho aceito se encontre registrado(a) no JAIIO antes da data limite para o envio da versão final (“camera ready”). É requisito obrigatório a apresentação do trabalho na data e horário indicados pelo evento, pois o(a) autor(a) que não o fizer terá seu trabalho retirado dos proceedings. Se necessário, o(a) autor(a) poderá indicar um(a) representante para apresentação.

 

Datas importantes:

 

Convocatória para envio de trabalhos: 07.02.2020

Encerramento do envio de trabalhos: 20.03.2020

Notificação de aceite e correções: 29.05.2020

Recepção das versões finais e inscrição dos(as) autores(as): 11.06.2020

Realização do evento: 10 a 14.08.2020

Realização do Simpósio SAHTI-SHIALC: 12 a 14.08.2020

 

Chairs do II SAHTI

Karina Bianculli (CEHIs-FH-UNMdP)

Gustavo Del Dago (Fundación Sadosky)

 

Chairs do VI SHIALC

Karina Bianculli (CEHIs-FH-UNMdP)

Raúl Carnota (Grupo de Historia - Depto. Cs. de la  Computación. FCEN -UBA)

Gustavo Del Dago (Fundación Sadosky)

Ariel Vercelli (CONICET-UNMDP)

 

Comitê Acadêmico do Programa:

Soledad Ayala (CAETI – UAI; UNRAF y UNQ)

Henrique Luiz Cukierman (Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Ivan da Costa Marques (Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Lucas de Almeida Pereira (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo)

Ana Lucia Faria da Costa Rodrigues (Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Bettina Favero (CONICET-UNMdP)

Adriana Feld (CONICET-Univ. Maimónides)

Pablo Jacovkis (UNTREF-UBA)

Ricardo Rodriguez (FCEN-UBA)

Alberto Jorge Silva De Lima (Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Sukow da Fonseca; Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Ana Spivak (CONICET-CIS/IDES)

Marcelo Vianna (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul/Universidade do Vale do Rio dos Sinos)

Ariel Vercelli (CONICET-UNMdP)

 

Para informação e contatos:

E-mail: sahti-shialc@49jaiio.sadio.org.ar

Site: http://49jaiio.sadio.org.ar/simposios/sahti